ENCONTREI

Encontrei a Tribo e o Clã
Ali em baixo no jardim, (bis nos 2 versos)
Perguntei às Tribos como estavam
Ai estou arrasca, arrasca, arrasca. (bis nos 2 versos)

Perguntei aos Caminheiros
O que estão ali fazendo, (bis nos 2 versos)
Estamos perdidos no jardim
Tirem-me daqui, daqui, daqui. (bis nos 2 versos)

Ai chora Tribos e Clã
Chora, chora,
Ai chora que a Alcateia não dão a mão.
Agora que precisas da Alcateia
Pede perdão e nunca mais digas
Que não e não e não.

(Música: Primavera das flores...)
(Ajustando a cada divisão)

4 comentários:

ré disse...

é a alcateia k ta à rasca ou é a tribo?
acho q t fugiu a boca pa verdade...hehehe

marlene rodrigues disse...

Deveria era ser o Clã!

Anónimo disse...

atenção, esta letra se não estou em erro foi criada pelo chefe Marco Sousa por isso confirmem e sempre que possivel metam o autor, é apenas uma sugestão, parabens pela iniciativa

marlene rodrigues disse...

Ok, vamos nos informar acerca do autor da letra, e como já deve de ter reparado, há outras músicas que em pusemos o autor da letra quando sabíamos, por isso obrigada pela observação! :)